sábado, 25 de maio de 2013

Pesquisa aponta vitória de Robinson com maioria de 37% sobre Rosalba.

Robinson Faria, do PSD, eleito novo governador do Estado com 37 pontos percentuais a mais que a segunda colocada e única adversária, Rosalba Ciarlini, do DEM. Esse foi o resultado da pesquisa de intenção de voto feita pelo instituto Certus, em parceria com O Jornal de Hoje, e divulgada com exclusividade pelo vespertino. O vice-governador, se as eleições fossem hoje, alcançaria a marca de 54% das intenções de voto, contra apenas 17% da atual governadora, Rosalba Ciarlini.

É importante ressaltar que a pesquisa considerou apenas esses dois nomes porque Rosalba é a atual governadora e, por isso, naturalmente disputaria a reeleição e Robinson foi o único a assumir sua condição de pré-candidato a governador. O vice-governador, inclusive, já manteve até conversas com alguns partidos para viabilizar sua chapa de oposição. O PT da deputada federal Fátima Bezerra e do deputado estadual Fernando Mineiro, vai receber hoje o candidato para discutir 2014; o PSB, da ex-governadora e atual vice-prefeita Wilma de Faria; e o PDT do prefeito de Natal, Carlos Eduardo Alves, são alguns dos partidos que o pessedista tem conversado.

Além de Robinson Faria, algumas pessoas cogitam que Wilma de Faria, do PSB, e as duas lideranças do PMDB, Henrique Eduardo Alves, presidente da Câmara Federal, e Garibaldi Alves Filho, ministro da Previdência Social, seriam outras opções para o Governo do Estado. Mas os próprios citados não confirmaram essa hipótese. E mais: Garibaldi e Henrique até negaram o interesse de disputar o cargo máximo do Executivo potiguar.

De volta à pesquisa, além das intenções de votos para os dois, a Certus apontou que os eleitores ainda demonstram certa indecisão tendo como únicas opções Rosalba e Robinson. Mais de 22% disseram não votar em nenhum dos dois e cerca de 5% responderam “não sei” a pergunta “se a eleição para governador do RN fosse hoje e os candidatos fossem estes; em qual deles votaria?”

No caso da disputa pela presidência da República, a pesquisa da Certus apontou que Dilma Rousseff teria 57% das intenções de voto, contra 11% de Marina Silva, 4% de Aécio Neves, do PSDB, e 3% de Eduardo Campos, do PSB. Com exceção de Dilma e Marina Silva, os outros candidatos não têm no currículo nenhuma disputa pela Presidência da República.

Contudo, Eduardo Campos, governador de Pernambuco, já assumiu ser candidato a presidente na próxima eleição, o que teria “forçado” Dilma a também dizer que é candidata a reeleição. Aécio Neves tomou posse na presidência do partido tucano no último final de semana e desponta como principal candidato do grupo PSDB-DEM.

Vale lembrar que para levantar os dados foram ouvidas 1.513 pessoas, entre os dias 16 e 19 de maio, por meio de entrevistas domiciliares, e tem uma margem de erro de 3 pontos percentuais para mais ou para menos, além de um intervalo de confiança de 95%.

Nenhum comentário:

Postar um comentário