quinta-feira, 11 de julho de 2013

Familiares de Daleste chegam para depor sobre a morte do funkeiro .

Depoimentos acontecem no Setor de Homicídios em Campinas.
Daniel Pellegrine foi baleado e morto em um show na noite de sábado.

Familiares, amigos e empresário de Daleste chegarm para depor em Campinas (Foto: Marília Castelli/G1)Familiares, amigos e empresário de Daleste chegam para depor em Campinas (Foto: Marília Castelli/G1) Familiares, amigos e empresários do funkeiro Daniel Pellegrine, o MC Daleste, chegaram no início da tarde desta quinta-feira (11) para depor no Setor de Homicídios da Delegacia de Investigações Gerais (DIG), em Campinas (SP).
O cantor de 20 anos morreu na madrugada de domingo (7) no Hospital Municipal de Paulínia (SP) após ser baleado no abdômen na noite de sábado (6) em um show no CDHU no bairro San Martin, zona norte de Campinas.
O delegado titular do Setor de Homicídio, Rui Pegolo, chamou os familiares para depoimento para concluir um perfil do jovem. Com ele, os policiais tentam descobrir possíveis interessados na morte de Daleste.

Nenhum comentário:

Postar um comentário